Showrunner revela que Benedict Bridgerton sempre fez parte da comunidade LGBTIQAPN+.

Date:

Compartilhe:

Benedict Bridgerton, o artista rebelde da amada série “Bridgerton”, sempre fez parte da comunidade LGBTQIAPN+, de acordo com a showrunner Jess Brownell. Essa revelação surpreendente promete trazer uma nova dimensão ao personagem icônico.

Principais Destaques

  • Benedict Bridgerton é retratado como queer desde as primeiras temporadas, de acordo com a showrunner Jess Brownell.
  • A série Netflix explora a jornada de autoaceitação de Benedict, quebrando convenções sociais da época.
  • A trama diverge dos livros originais, onde Benedict é heterossexual, gerando reações mistas dos fãs.

Um Novo Olhar Sobre Benedict Bridgerton

Caros leitores, eu tenho o prazer de compartilhar com vocês uma revelação emocionante sobre um de nossos personagens favoritos de “Bridgerton”. Benedict Bridgerton, o artista rebelde e de espírito livre, sempre foi retratado como parte da comunidade LGBTQIAPN+, de acordo com a showrunner Jess Brownell.

Essa informação pode surpreender muitos fãs que acompanharam a jornada de Benedict desde o início. Afinal, nos livros de Julia Quinn que inspiraram a série, Benedict é retratado como um cavalheiro heterossexual que encontra o amor com Sophie, uma jovem de origem humilde. No entanto, a equipe de roteiristas da Netflix decidiu tomar um caminho diferente, explorando a sexualidade e a autoaceitação do personagem de uma maneira mais autêntica e representativa.

A Jornada de Autoaceitação de Benedict

Segundo Brownell, os sinais da identidade queer de Benedict estavam lá desde as primeiras temporadas. “Benedict está descobrindo seu lugar na sociedade… e como ele pode contornar as regras da sociedade, ao mesmo tempo em que é fiel a si mesmo”, ela explica em uma entrevista ao site Glamour.

É uma jornada complexa e desafiadora, especialmente em um período histórico onde as convenções sociais eram tão rígidas e opressivas. No entanto, é exatamente essa luta pela autenticidade que torna a história de Benedict tão cativante e relevante para os espectadores modernos.

Reações Divididas dos Fãs

Showrunner revela que Benedict Bridgerton sempre fez parte da comunidade LGBTIQAPN+.
Source: https://portalpopline.com.br

Como era de se esperar, a revelação sobre a sexualidade de Benedict dividiu opiniões entre os fãs. Alguns aplaudiram a ousadia da Netflix em trazer mais representatividade LGBTQIAPN+ para a tela, enquanto outros se sentiram traídos pela divergência dos livros originais.

No entanto, é importante lembrar que a adaptação para a TV sempre implica em algumas mudanças e liberdades criativas. E, neste caso, a decisão de retratar Benedict como parte da comunidade LGBTQIAPN+ parece estar alinhada com o espírito progressista e inclusivo da série.

Conclusão

Seja como for, a revelação de Jess Brownell sobre Benedict Bridgerton é um lembrete poderoso de que a representatividade importa. Ao abraçar a diversidade de identidades e experiências humanas, “Bridgerton” se torna mais rica, mais autêntica e mais relevante para os espectadores de todas as origens.


Html code here! Replace this with any non empty raw html code and that's it.

Artigos relacionados

Marcelo e Zélia planejam acabar com casamento de Artur.

Marcelo e Zélia têm um plano audacioso para acabar com o casamento de Artur, o que pode causar...

Turista morre em acidente com lancha no Rio Araguaia.

Uma tragédia marcou as férias de uma família no Rio Araguaia. Uma turista de 61 anos morreu afogada...

Empresas usaram vídeos do YouTube para treinar IA sem permissão.

Ás grandes empresas de tecnologia estão usando vídeos do YouTube sem permissão para treinar seus sistemas de inteligência...

Chicharito brilha com assistência em triunfo do Chivas na Liga MX.

Chicharito, o astro mexicano do Chivas, voltou a brilhar com uma excelente assistência que garantiu a vitória de...